GRUPO GERADOR DE ENERGIA - MOTOR ELETRICO - GERADORES DE ENERGIA - SOTO FILHOS 17 3012-6130

Geradores


Grupo Gerador de Energia Diesel 7,5/10/15/20kva


Grupo Gerador Soto Filhos



Potencias :

7.5 KVA - clique para ver detalhes tecnicos

10 KVA - clique para ver detalhes tecnicos

15 KVA - clique para ver detalhes tecnicos

20 KVA - clique para ver detalhes tecnicos

Motor Diesel Refrigerado a Agua
Partida Eletrica
Automatico ou Manual
Aberto ou Silenciado

Veja abaixo especificacoes tecnicas :



 

Especificacoes Tecnicas 7.5 kva

Gerador GT7,5 -

Montado com motor TR18
Motor Marca : Tramontini
Acoplamento - Polia e Correia
Potência - 7,5 kva / 6,0 Kw
Tensão de Saída - Monofásico ou Trifásico
Frequência de rotação - 60 HZ / 1800 RPM
Alternador - Compound / BEI
Peso - 202 Kg

Refrigerado a Agua
Partida Eletrica
Montado em Base de Ferro

Aceita painel Automatico

Opcao Silenciado

Dados Tecnicos


MOTOR DIESEL

Fabricante Tramontini
Modelo TR18
Potência 16.5cv (2200rpm) / 15 cv(1800rpm)
Cilindros 1 Monocilindro
Cilindrada Total 903
Combustão

Injeção direta, regulador mecânico

Tanque 13.5 Litros
Sistema de Arrefecimento Radiador e ventilador
Filtros Ar, combustível e óleo
Sistema Elétrico 12V cc (com bateria incluida), alternador e carregador de bateria
Partida Eletrico e Manual
Combustivel Diesel
Peso 183


ALTERNADOR

Fabricante Kcel / Bambozzi
Potencia : 7.5 Kva / 6.00 Kw - Continuo
Modelo Compund / Brusheless
Tipo Síncrono, sem ou com escovas, com imã permanente, 4 polos trifásico ou monofásico
Ligação Estrela com neutro acessível
Regulação Regulador de tensão eletrônico.
Ventilação Ventilador montado no eixo
Isalamento Classe "H"
Mancais duplo mancal (Disponível sob pedido)


Especificacoes Tecnicas 10 kva

Gerador GT10 -

Montado com motor TR18
Motor Marca : Tramontini
Acoplamento - Polia e Correia
Potência - 10 kva / 8,0 Kw
Tensão de saída - Monofásica ou Trifásica
Frequência de rotação - 60 HZ / 1800 RPM
Alternador - Compound / BEI
Peso - 306 Kg

Refrigerado a Agua
Partida Eletrica
Montado em Base de Ferro

Aceita painel Automatico

Opcao Silenciado


Dados Tecnicos


MOTOR DIESEL

Fabricante Tramontini
Modelo TR18
Potência 16.5cv (2200rpm) / 15 cv(1800rpm)
Cilindros 1 Monocilindro
Cilindrada Total 903
Combustão

Injeção direta, regulador mecânico

Tanque 13.5 Litros
Sistema de Arrefecimento Radiador e ventilador
Filtros Ar, combustível e óleo
Sistema Elétrico 12V cc (com bateria incluida), alternador e carregador de bateria
Partida Eletrico e Manual
Combustivel Diesel
Peso 183


ALTERNADOR

Fabricante Kcel / Bambozzi
Potencia : 10 Kva / 8.00 Kw - Continuo
Modelo Compund / Brusheless
Tipo Síncrono, sem ou com escovas, com imã permanente, 4 polos trifásico ou monofásico
Ligação Estrela com neutro acessível
Regulação Regulador de tensão eletrônico.
Ventilação Ventilador montado no eixo
Isalamento Classe "H"
Mancais duplo mancal (Disponível sob pedido)


Gerador GT15

Montado com motor TR30
Motor Marca : Tramontini
Acoplamento - Polia e correia
Potência - 15 kva / 12,0 Kw
Tensão de saída - Monofásica ou Trifásica
Frequência de rotação - 60 HZ / 1800 RPM
Alternador - Compound / BEI
Peso - 382 Kg

Refrigerado a Agua
Partida Eletrica
Montado em Base de Ferro

Aceita painel Automatico

Opcao Silenciado

Dados Tecnicos



MOTOR DIESEL

Fabricante Tramontini
Modelo TR30
Potência 25 cv (2200rpm) / 22 cv(1800rpm)
Cilindros 1 Monocilindro
Cilindrada Total 1473
Combustão

Injeção direta, regulador mecânico

Tanque 16 Litros
Sistema de Arrefecimento Radiador e ventilador
Filtros Ar, combustível e óleo
Sistema Elétrico 12V cc (com bateria incluida), alternador e carregador de bateria
Partida Eletrico e Manual
Combustivel Diesel
Peso 244


ALTERNADOR

Fabricante Kcel / Bambozzi
Potencia : 15 Kva / 12 Kw - Continuo
Modelo Compund / Brusheless
Tipo Síncrono, sem ou com escovas, com imã permanente, 4 polos trifásico ou monofásico
Ligação Estrela com neutro acessível
Regulação Regulador de tensão eletrônico.
Ventilação Ventilador montado no eixo
Isalamento Classe "H"
Mancais duplo mancal (Disponível sob pedido)


Gerador Soto 20 Kva

Montado com motor TR30
Motor Marca : Tramontini
Acoplamento - Polia e correia
Potência - 20 kva / 18 Kw
Tensão de saída - Monofásica ou Trifásica
Frequência de rotação - 60 HZ / 1800 RPM
Alternador - Compound / BEI
Peso - 420 Kg

Refrigerado a Agua
Partida Eletrica
Montado em Base de Ferro

Aceita painel Automatico

Opcao Silenciado


Dados Tecnicos


MOTOR DIESEL

Fabricante Tramontini
Modelo TR30
Potência 25 cv (2200rpm) / 22 cv(1800rpm)
Cilindros 1 Monocilindro
Cilindrada Total 1473
Combustão

Injeção direta, regulador mecânico

Tanque 16 Litros
Sistema de Arrefecimento Radiador e ventilador
Filtros Ar, combustível e óleo
Sistema Elétrico 12V cc (com bateria incluida), alternador e carregador de bateria
Partida Eletrico e Manual
Combustivel Diesel
Peso 244


ALTERNADOR

Fabricante Kcel / Bambozzi
Potencia : 20 Kva / 18.00 Kw - Continuo
Modelo Compund / Brusheless
Tipo Síncrono, sem ou com escovas, com imã permanente, 4 polos trifásico ou monofásico
Ligação Estrela com neutro acessível
Regulação Regulador de tensão eletrônico.
Ventilação Ventilador montado no eixo
Isalamento Classe "H"
Mancais duplo mancal (Disponível sob pedido)




Grupo Gerador Com rodas



Grupo Gerador Silenciado



Grupo Gerador Silenciado







Grupo Gerador Silenciado

Manual ou Automatico

Apagão na Saúde – Gerador de energia são fundamentais

Enquanto as luzes se apagaram na noite de terça-feira, 10, muitas vidas que precisavam da energia elétrica para sobreviver passaram por momentos críticos. Em situações como essa os geradores de energia em hospitais tornam-se peça fundamental.

Aparelhos presentes nas Unidades de Terapia Intensiva, como os de monitoramento cardíaco e respiradores, por exemplo, possuem uma bateria que dura no máximo três horas.

Para que transtornos e riscos como esse não aconteçam é importante que a estrutura física dos hospitais comporte o equipamento. Em Bauru, interior de São Paulo, houve correria e tumulto na tentativa de salvar seis crianças internadas em hospital sem o recurso de energia extra.

Abaixo você confere artigo exclusivo para o Blog da Saúde do Dr. Túlio Yamada, Cirurgião Geral e Diretor Administrativo do CECMI – Centro Especializado em Cirurgias Minimamente Invasivas.

Artigo Dr. Túlio Yamada

Na última terça-feira, 10/11, às 22h13, o Brasil ficou às escuras. Em 18 dos 26 Estados o apagão durou cerca de três horas e tempo suficiente para gerar transtornos a mais de 60 milhões de brasileiros.

Com problemas de toda natureza, dos mais simples aos mais complexos, uma das áreas mais afetadas nestas situações é a hospitalar. Embora seja determinado por Lei, com supervisão do Ministério da Saúde e até mesmo da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), nem todos conseguem suprir a falta de energia elétrica de forma eficaz e com os requisitos básicos necessários. A exigência é que todo hospital seja provido de geradores para garantir atendimento e manutenção em suas áreas críticas, como UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e Centro Cirúrgico.

A tríplice proteção que um hospital deve ter em seu escopo organizacional são os geradores de energia, os "No breaks" e baterias acopladas aos equipamentos do centro cirúrgico e UTI.

Todos estes recursos são fundamentais. A rede elétrica sofre constantes variações, sobretudo nos grandes centros urbanos. Por isto, os "No breaks" e as baterias internas dos equipamentos são fundamentais para manter o correto funcionamento, mesmo por períodos curtos de oscilações, que podem durar segundos. Normalmente, um gerador, mesmo acionado imediatamente em caso de queda abrupta, leva de 12 a 15 segundos para entrar em ação. E é neste ínfimo espaço de tempo que "No breaks" e baterias devem cumprir suas funções, mantendo o contínuo funcionamento nas alas críticas de qualquer hospital.

A determinação da ANVISA cobra dos hospitais sistemas de emergência com geradores alimentados por diesel ou similar para cobrir a falta de energia elétrica em casos de interrupção. Os equipamentos nos setores críticos devem ter sua alimentação chaveada automaticamente para a fonte de emergência, garantindo o suprimento de energia por, no mínimo, 24 horas.

No CECMI – Centro Especializado em Cirurgias Minimamente Invasivas – implantamos um grupo gerador para atender UTI e Centro Cirúrgico, atrelados a "No breaks". Os equipamentos instalados nas áreas críticas são modernos e possuem baterias internas próprias. Isto tudo permite uma segurança muito grande, uma garantia tripla para nossos pacientes.

Este cuidado, como disse, deve estar no escopo do projeto de qualquer hospital, planejado por arquitetos experientes, e os equipamentos instalados em local adequado, respeitando inclusive os limites sonoros, uma vez que estarão dentro da área hospitalar. Ainda que não houvesse uma Lei a ser cumprida, tais recursos sempre deveriam constar como equipamentos essenciais, assim como uma simples gaze, um bisturi ou um estetoscópio.

POR QUE COMPRAR UM GRUPO GERADOR DE ENERGIA A DIESEL?

Comodidade, segurança e confiabilidade. São algumas das garantias que um grupo gerador pode oferecer quando você ou sua empresa mais precisarem de energia. Essa necessidade pode durar horas, dias ou mesmo semanas, até que o fornecimento de eletricidade seja estabilizado.
Um grupo gerador, portanto, supre a ausência desta energia enviada pelas concessionárias (Light, CPFL, Eletropaulo, entre outras) para que sua atividade continue sem grandes perdas.

Citamos alguns exemplos numa perda definitiva de eletricidade:

Um parente sendo operado;
O sistema de segurança de sua empresa;
Um show musical em pleno auge;
Ou um telejornal em rede nacional;

Nessas situações o prejuízo seria incalculável. Para todas as alternativas é essencial que haja a presença de um grupo gerador como suporte.
A Soto Filhos está pronta para fornecer os equipamentos para atender sua necessidade em energia. Procure-nos para que esta parceria seja mais um empreendimento de sucesso.

 

GERADOR DE ENERGIA para sistemas de telecomunicações

O suprimento de energia (alimentação) para os equipamentos de comutação é do tipo centralizado. Isso é, realizado através de juntores das cadeias de conversação ou dos circuitos que possibilitam a transmissão de voz, convertida em sinais eletromagnéticos.

A rede pública de energia elétrica fornece 115/220 VCA de corrente alternada que um retificador converte para 48 VCC de corrente contínua. Esse sistema atende tanto à central telefônica quanto as baterias que trabalham em regime de compensação, isto é, atende às variações bruscas de energia necessária aos equipamentos de comutação. A energia fornecida pelo retificador é uma energia média que acarreta carga ou descarga das baterias.

Quando há falha do suprimento de energia pública, as baterias assumem temporariamente o fornecimento de energia, evitando corte do serviço, até o momento em que uma chave comutadora é acionada para a transferência de energia da rede pública para o motor gerador que foi acionado. Além do mais, os sistemas de transmissão também possuem um sistema de energia semelhante ao descrito para a comutação, que os alimenta eletricamente.

Os geradores de energia para a garantia do fornecimento aos sistemas de telecomunicações podem ser de vários tipos. Por exemplo, em alguns modelos são usados geradores de motor a óleo diesel, semelhantes aqueles utilizados no provimento de energia a prédios comerciais.


Condomínios apostam no uso de geradores de energia

Os brasileiros já presenciaram diversas falhas do sistema de distribuição de energia do país como interrupções, apagões e blecautes. A falta de energia é um grande problema não só para os estabelecimentos comerciais ou hospitais, mas também para os condomínios que ficam com itens importantes como os elevadores e os sistemas de segurança sem funcionar.

Segundo Heber Grace, gerente do departamento de Engenharia de Aplicação da Geradores, o brasileiro também passa por um momento de mudança em relação à utilização de geradores de energia em casa. "Não é difícil hoje vermos em uma situação de blecaute, um edifício com três ou quatro apartamentos funcionando com gerador, além do gerador do próprio condomínio que serve para a luz de emergência", diz.

Grace explica que para instalar um gerador de energia num condomínio é preciso que toda a parte elétrica esteja finalizada e devidamente vistoriada. "Nos locais que esse procedimento não está definido, normalmente instalamos geradores a diesel", destaca. De acordo com o especialista, a maioria dos condomínios opta por alugar os equipamentos por ser um processo mais rápido do que a compra.

O gerente acrescenta que na locação a agilidade tem que ser diferente daquela prestada pelo fabricante do equipamento, já que existem limites para restabelecer o equipamento ou até mesmo substituí-lo. "A instalação é fácil e não requer construção em alvenaria", completa.

Os geradores de energia podem ser utilizados pelos condomínios tanto nos momentos de ausência de energia elétrica como também nos horários de picos, quando a energia fornecida pela concessionária é mais cara.

O especialista também explica qual o procedimento que o condomínio precisa realizar quando decide instalar um gerador de energia: "Em primeiro lugar é preciso agendar uma visita técnica para avaliar a potência e a tensão que o condomínio vai requerer. Além dos geradores, também oferecemos os demais equipamentos necessários para encontrar a melhor solução como bancos de carga, transformadores e cabos elétricos", detalha.